EUROFARMA TRAZ PARA O BRASIL ANALGÉSICO DE LONGA DURAÇÃO

0
296

O laboratório brasileiro Eurofarma anunciou que está trazendo ao País a suspensão injetável de bupivacaína lipossomal, medicamento indicado para controle de dor no pós-operatório. Denominado Exparel, o não opioide promove, segundo a empresa, analgesia local para melhorar a recuperação durante os primeiros dias críticos após a cirurgia.

Produzido pela norte-americana Pacira BioSciences e comercializado nos Estados Unidos desde 2012, Exparel é indicado para diversas especialidades médicas, como ortopedia, cirurgia plástica, cirurgia bariátrica, cirurgia geral, cirurgia pediátrica e anestesiologia, podendo ser utilizado em cirurgias para o controle de dor pós-operatória, via infiltração local ou para bloqueio interescalênico do plexo braquial.

Uma das vantagens do produto, segundo o laboratório, é trazer o conceito de prolongamento do tempo de ação do princípio ativo bupivacaína durante os primeiros dias do pós-cirurgia, permitindo que os médicos possam dar alta aos pacientes com mais tranquilidade após as cirurgias e com menos opioides.

De acordo com a Eurofarma, que firmou parceria com o laboratório norte-americano, a Pacira conduziu um programa robusto de desenvolvimento clínico do Exparel, tendo realizado 40 estudos de fases 1 a 3, além de 24 estudos em fase 4. Essas pesquisas demonstraram uma redução de até 78% do uso de opioides após cirurgias e melhor controle de dor.

“Esta nova parceria reflete o trabalho de criar um ecossistema robusto de inovação na América Latina. A Pacira é referência em analgesia e vamos aprender muito juntos, ampliando nosso pipeline e possibilidades de novos fármacos em dor, área que temos grande atuação e reconhecimento da classe médica”, afirmou em comunicado a vice-presidente de Inovação da Eurofarma, Martha Penna.

Segundo os termos do acordo, a Eurofarma terá o direito exclusivo de comercializar e distribuir o medicamento em 19 países da América Latina, incluindo o Brasil, sendo a responsável pelos registros regulatórios do Exparel nesses países. A Pacira receberá royalties com base na comercialização futura do produto pela Eurofarma, além de receber pagamentos de marcos que são acionados pela realização de certos eventos regulatórios e comerciais. Considerando as validações regulatórias para início de venda do produto, a previsão é de que esteja disponível ao mercado local até 2025.

Fonte: ICTQ

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


CAPTCHA Image
Reload Image