ANTICONCEPCIONAL PREVINE COVID-19 GRAVE, AFIRMA NOVO ESTUDO

Um novo estudo realizado pela universidade King’s College London, em Londres, Inglaterra, afirma que mulheres que tomam pílula anticoncepcional têm menos chances de desenvolver a forma grave do novo coronavírus (Covid-19). Segundo os cientistas, o estrogênio desempenha um papel fundamental na proteção contra o vírus, inclusive, esse seria o motivo pelo qual várias pesquisas afirmam que os homens são mais afetados pela doença.

0
95

Para definir essa conclusão, os pesquisadores utilizaram os dados de mais de meio milhão de mulheres, que fizeram uso do aplicativo Covid Symptom Study, entre os meses de maio e junho de 2020. O sistema foi desenvolvido pela King’s College London e foi usado para rastrear pacientes infectadas pelo novo vírus.

A iniciativa mostrou que as mulheres que consumiam pílula anticoncepcional oral combinada tinham, em média, um risco 13% menor de desenvolver sintomas graves da Covid-19, de acordo com informações publicadas no jornal britânico The Telegraph. 

Conclusões

A pesquisa também mostrou que as mulheres no período de pós-menopausa apresentaram um risco 22% maior do que as demais na pré-menopausa. Sendo que, neste grupo, aquelas na faixa etária de 45 a 50 anos tiveram maior risco e relataram sintomas como febre, perda de olfato e tosse aguda. Além disso, muitas também foram submetidas ao tratamento com oxigênio em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Segundo o estudo, essa situação ocorreu, justamente, pela falta de estrogênio, hormônio muito comum em anticoncepcionais. “Nós achávamos que mulheres na pré-menopausa, com níveis mais altos de estrogênio, teriam Covid-19 menos grave quando comparadas a mulheres da mesma idade que passaram pela menopausa, e nossas descobertas confirmaram isso”, destacou a cientista, Karla Lee, que co-liderou a pesquisa, ao site The Telegraph.

Ela completou: “Além disso, quando comparamos um grupo mais jovem de mulheres que faziam uso de pílula anticoncepcional combinada com um grupo semelhante que não tomava o medicamento, as mulheres do primeiro grupo tinham Covid-19 menos grave, sugerindo que hormônios presentes na pílula podem oferecer alguma proteção contra a Covid-19″, destacou.

A hipótese levantada pelos pesquisadores é que o hormônio feminino estrogênio estimula uma resposta imunológica no combate ao novo vírus. Com isso, há um aumento nas células imunes e a paciente responde melhor à infecção ocasionada pela Covid-19.

Nesse sentido, os cientistas concluíram no estudo que mulheres que tomam anticoncepcionais são mais resistentes ao vírus. Esse hormônio também é mais abundante nas mulheres antes da menopausa.

Fonte: ICTQ

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


CAPTCHA Image
Reload Image