Cientistas descobrem novo órgão sensível a dor

0
125

O estudo foi divulgado no dia 16 deste mês na Science, foi realizado por pesquisadores do Karolinska Institutet e percebeu a existência de uma estrutura presente dentro da pele formada por múltiplas células especializadas da glia (responsáveis por auxiliar nos impulsos nervosos) que é excepcionalmente sensível a impactos mecânicos e outros estímulos exteriores.

O complexo apresentou alta sensibilidade quando estimulado por picadas e pressão e, segundo os cientistas, sua organização é conjunta com os nervos sensíveis da pele. Sendo assim, o órgão trabalha em total sinergia com os impulsos elétricos responsáveis pelos reflexos e reações de dor.

Essa descoberta altera nossa percepção dos mecanismos celulares que ocasionam sensações físicas, colaborando para um melhor entendimento do funcionamente de quadros de dor crônica. A pesquisa demonstrou como nossa sensibilidade não está somente associado com a rede nervosa da nossa pele, mas também com esta nova estrutura, não só isso os experimetos foram capazes de bloquear a atividade do órgão causando uma diminuição significativa na sensibilidade provocada por impactos mecânicos.

Isso já demonstra um enorme potencial para futuras pesquisas no tratamento de dores crônicas e nos permite encontrar novos caminhos para combater a dor.

Fonte: Uol.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


CAPTCHA Image
Reload Image