Remoção de ferro aumenta apoptose induzida por vitamina C e inibição do crescimento de células leucêmicas

0
291

Embora a vitamina C  tenha recentemente despertado interesse como uma alternativa terapêutica para o câncer, seus efeitos clínicos permanecem controversos. Foi recentemente relatado em uma pesquisa e publicado em um periódico na Scientific Reports o uso de linhagens de células de câncer de próstata in vitro que o excesso de ferro extracelular diminui os efeitos anti-câncer da vitamina C, promovendo a decomposição do peróxido de hidrogênio (H 2 O 2 ) gerado pela vitamina C. Na pesquisa foi demonstrado que o excesso de ferro extracelular  diminuiu o efeito inibitório da vitamina C na sobrevivência de células leucêmicas humanas K562 in vitro , reduzindo a quantidade de H 2 O 2 e revogando as vias de apoptose induzidas pela vitamina C. In Vivo na presença de excesso de ferro extracelular, o efeito inibitório do crescimento da vitamina C nas células K562 foi completamente anulado; na verdade,a vitamina C melhorou o crescimento de células K562. A redução do ferro extracelular restaurou o efeito indutor de apoptose da vitamina C in vitro e aumentou o efeito inibitório do crescimento do Vitamina C in vivo . Os pesquisadores ressaltam que mais estudos são necessários para investigar se a combinação da vitamina C e depleção de ferro tem efeitos semelhantes em várias outras células leucêmicas ou cancerosas contra as quais a vitamina  tem sido eficaz em estudos experimentais anteriores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


CAPTCHA Image
Reload Image